O que fazer em Teresópolis com crianças | Le Canton

O que fazer em Teresópolis com crianças?  

Fomos convidados pelo resort Le Canton para, através de uma presstrip, conhecer o complexo e a ampliação da área de lazer, o Canton Ville. Justamente no final de semana que seria o aniversário da Alice. Vocês acham que a princesa topou comemorar seus 6 anos conhecendo o hotel que tem um castelo medieval? Claro que sim! E nesse post vamos te contar como foi essa viagem e principalmente o que fazer nem Teresópolis com crianças.

Localizada na região serrana do estado do Rio de Janeiro, Teresópolis é um destino muito charmoso, procurado geralmente por casais querendo dar uma escapada mais romântica. Mas suas atrações, desde parques, trilhas, cachoeiras e até a famosa Granja Comary, muitas vezes a casa da seleção brasileira de futebol, agradam também as famílias.

Teresópolis com crianças: na estrada Dedo de Deus

Mas passar por Teresópolis e não se hospedar na “Suíça fluminense” é privar as crianças de pura diversão.

Le Canton, tem mais de 2 milhões de m² de área construída, cercado pela belíssima Serra dos Órgãos. A arquitetura e paisagismo do hotel foram inspirados nos Cantões Suíços e toda sua decoração faz você se sentir na Europa medieval. Com 3 hotéis para hospedagem, o complexo ainda conta com uma enorme área de lazer e uma fazenda de animais.

Para conhecer um pouquinho desse lugar lindíssimo, as crianças apresentam aqui um vídeo com as TOP 10 Atrações no Le Canton.

CLIQUE NO PLAY PARA ASSISTIR ↓


Veja quanto custa este hotel aqui


 TOP 10 Atrações no Le Canton

Teresópolis com crianças: Ases em frente ao castelo medieval

Veja mais informações sobre as atividades que fizemos nessa viagem ↓

1. Brincar no Canton Ville

O Canton Ville é a área de lazer do complexo, onde se concentram a maioria das atividades para as crianças de idade e crianças de coração.  A equipe de recreação conta com os 35 mil m² do Canton Ville para realizar quase todas as atividades de entretenimento.

Teresópolis com crianças: Canton Ville

Se você ficar hospedado na ala Magique, estará praticamente dentro do Canton Ville. Para quem se hospedar na ala Village, dá para ir tranquilamente a pé, pois o Canton Ville fica quase em frente. Mas, lembre-se é necessário atravessar uma rua (sem muito movimento) para chegar lá. Se você estiver hospedado na Fazenda Suíça, deverá pegar uma van do hotel que faz o trajeto de 2 km  frequentemente ao longo do dia.

O que você encontra no Canton Ville:

  • Lago para pescaria em formato de peixe.
  • Mini golfe.
  • Brinquedos infláveis.
  • Tenda multiuso.
  • Quadras de queimada, vôlei de areia, basquete de rua, campo de futebol society e três quadras de tênis (duas de saibro e uma de piso sintético, coberta).
  • Arena de paintball – atividade paga à parte.
  • Parc Magique – atração paga à parte (veja abaixo no TOP 2).
  • Pista Mont Blanc de boias canadenses – atração paga à parte (veja abaixo no TOP 3). 

Teresópolis com crianças: Alex e Alice em frente ao Castelo Mont Blanc

As atividades da equipe de recreação estão incluídas nas diárias e foram desenvolvidas para crianças de 5 a 14 anos, que podem participar sem a companhia dos pais. Os horários da recreação, quando nos hospedamos, eram: das 10h às 18h de domingo a quinta e das 10h às 22h nas sextas e sábados.

→ Consulte aqui no site do hotel os horários do Canton Ville para se informar melhor.


2. Curtir o Parc Magique

O Parc Magique é um parque de diversões coberto. Isso quer dizer que, se chover, a diversão pode continuar. Construído como um castelinho medieval, com tendas de lona, logo na entrada você já encontra um “sujeito” de armadura reforçando o clima medieval. Recentemente ampliado, o Parc Magique ganhou mais atrações, que agradam desde os pequenos, até adolescentes e adultos.

Teresópolis com crianças: Alex e Alice na Montanha Loka

O que você encontra no Parc Magique:

  • Roda Gigante
  • Trenzinho
  • Bate-Bate
  • Planetário
  • Carrossel
  • Cinema 5D
  • Trem fantasma
  • Tronco de Escalada
  • Jogos Eletrônicos

E as novidades recém inauguradas: 

  • Just Jump  cama elástica com 120 m², tabelas de basquete e “piscina” de espuma.
  • Virtual Mente – duas salas de realidade virtual de última geração com mais de 90 jogos diferentes
  • Montanha Loka – um simulador de montanha russa, com quatro percursos diferentes em realidade virtual

Sem dúvida nenhuma o Just Jump foi o brinquedo preferido do Alex e da Alice que não queriam parar de pular. Mas a Montanha Loka e o Virtual Mente também fizeram muito sucesso com os nossos pequenos.

Teresópolis com crianças: Alex pulando no Just Jump

O Parc Magique é uma atração paga à parte. Hóspedes da ala Magique tem entrada gratuita. Hóspedes da ala Village e Fazenda Suíça pagam ingressos de R$50 + 10%(taxa de serviços). Visitantes, que não estão hospedados, pagam R$66 para aproveitar o parque. Tem entrada gratuita: crianças de até 3 anos e maiores de 60 anos. A entrada dá direito ao uso de todos os brinquedos (com exceção do Tiro ao Alvo) e R$ 9,90 de créditos para jogos eletrônicos.

→ Confira aqui o site do hotel para checar os valores atualizados e o horário de funcionamento do Parc Magique.


3. Deslizar na Pista Mont Blanc

Dentro de outro castelo/forte medieval, ao lado do Parc Magique, foi construída a Pista Mont Blanc. A primeira pista para bóias canadenses coberta da América Latina. Apesar de, a primeira vista, a pista parecer de neve, ela é feita de um estrutura plástica branca, com um gel que é utilizado para deslizar as boias.

Teresópolis com crianças: Ases com as boias canadenses

Isso quer dizer que você vai se divertir, mas não vai congelar lá dentro! Uma das razões porque as crianças também não queriam parar de descer a montanha de “neve”.

Para descer na pista você deve estar de tênis e receberá um colete com número e capacete para sua segurança. A pista tem uma “caída” bem ao centro o que torna a diversão mais bacana para crianças leves que, com bastante impulso, “voam” mais facilmente.

Teresópolis com crianças: Alex e Alice sentados nas boias canadenses

 

A pista Mont Blanc também é uma atração paga à parte. Hóspedes da ala Magique tem entrada gratuita. Hóspedes da ala Village e Fazenda Suíça pagam ingressos de R$40 + 10%(taxa de serviços) por 60 minutos de diversão. Visitantes, que não estão hospedados, pagam R$50 por 30 minutos de diversão.

→ Confira aqui o site do hotel para checar os valores atualizados e o horário de funcionamento da Pista Mont Blanc.


Veja quanto custa este hotel aqui


4. Se hospedar no Village

A hospedagem na ala Village já é por si só uma atração. Por onde você anda há algo para admirar. Desde a arquitetura suíça, com casinhas e vilas charmosas até as flores coloridas que emolduram o primeiro plano na paisagem da Serra dos Órgãos.

Teresópolis com crianças: crianças em frente a praça do relógio

Um gramado gigante abraça as vilas, onde as crianças podem correr e gastar muita energia! A visão do Castelo Medieval no topo da montanha também é um cartão postal. Estátuas estão espalhadas ao longo do hotel para distrair bebês e crianças menores.

Fiquei com pena de não ter trazido algumas das fantasias de princesa da Alice para fazer uma sessão de fotos com o castelo ao fundo. Quem sabe na próxima…

Nos hospedamos no Village, na suite luxo superior que acomodou bem a família toda. O quarto bem espaçoso, tinha 1 cama de casal e 2 de solteiro, com um banheiro grande. Estes quartos ficam mais afastados, o que foi ótimo para descansar sem muito barulho.

Teresópolis com crianças: suite luxo superior na ala Village

O Alex adorou o clima medieval das construções e disse que parecia estar dentro do seu jogo favorito o “Clash Royale”.

Teresópolis com crianças: quartos medievais na ala Village


5. Dar um Splash no Parque Aquático

O parque aquático da ala Village tem 2 piscinas climatizadas ao ar livre. Uma no gramado central, ao lado do Bar Léman, um lugar muito gostoso com espreguiçadeiras e sofazinhos para relaxar, tomar um drink e aperitivar enquanto as crianças se divertem.

Teresópolis com crianças: piscina do gramado

O outra piscina,  a “mais legal” segundo o Alex e a Alice é do “escorrega“. Rodeada por árvores, além do toboágua, ela tem duas raias semi-olímpicas e uma parte central aquecida com jatos de hidro. Lá fizemos uma aula de hidroginástica.

Teresópolis com crianças: Alex descendo no toboágua da piscina

Para os papais e mamães que desejarem um climinha mais romântico, enquanto as crianças estão com os recreadores, há ainda a piscina climatizada coberta do SPA by L’Occitane (serviço opcional e cobrado à parte). Para aquele relax extra, vale a pena agendar com antecedência os tratamentos corporais e faciais do spa, com os produtos de qualidade da francesa L’Occitane e passar algumas horinhas divando.

Teresópolis com crianças: Piscina grande com hidromassagem

→ Não esqueça de perguntar na recepção, no momento do check-in, quais os dias e horários que as piscinas fecham para manutenção.


6. Se aventurar na Tirolesa

Nossos filhotes adoram tirolesas, sempre que podem se penduram por aí e descem numa alegria incrível, sempre querendo mais. Nesse caso não foi diferente, até chegarem lá! A tirolesa do Le Canton sai de uma árvore muito alta, o que eu achei que seria o motivo de desistência, principalmente para a Alice, que é menorzinha. Mas não…

Teresópolis com crianças: Alice no alto da árvore

Para o meu ledo engano, seguindo o exemplo do irmão mais velho, ela se jogou e curtiu muito a descida. Já a mamãe aqui, estava mais tensa que os filhos!

A tirolesa é só uma das várias atividades radicais oferecidas pelo Le Canton, todas pagas à parte. O hotel também conta com: arco e flecha, mountain board, mountain bike, arvorismo e paint ball, para os fãs de muita adrenalina.

Teresópolis com crianças: descendo na tirolesa

→ Confira aqui os valores e horários dessas atividades extras.


7. Aproveitar as festas temáticas

Quando visitamos o Le Canton, no mês de junho, pudemos aproveitar a Festa Junina. Ela foi muito divertida, com a equipe de recreação encenando o “casamento na roça” e dançando quadrilha. As crianças se divertiram com as barraquinhas de brincadeiras tradicionais como: pescaria, argola, boca do palhaço e até uma cadeia!

Teresópolis com crianças: Canton ville na Festa Junina a noite

Tantos as brincadeiras e prendas, quanto as comidas (espetinho, milho, salsicha, pipoca, maçã do amor, etc) estavam inclusas na hospedagem. Não precisamos pagar nenhum extra para nos divertirmos naquela noite.

Teresópolis com crianças: Alex e Alice com os noivos


8. Se divertir no Castelo Medieval

Imponente e grandioso, o Castelo Medieval pode ser avistado no alto do morro já da ala Village. Chegar lá não é tarefa para idosos, com muitos degraus, a escadaria que leva ao castelo pode cansar muitas vovós. No castelo, as atividades iniciam somente na parte da tarde e isso aumentou muito a curiosidade das crianças para conhecer ele por dentro.

Teresópolis com crianças: Castelo Medieval

Confesso que todos ficamos meio tristes ao entrar e não encontrar a tematização que o castelo tem por fora, também no seu interior. Esperávamos paredes rústicas e staff vestido com figurinos de época. Alice jurava que encontraria uma princesa linda…

Mas logo esqueceram tudo, quando viram uma pista de boliche e outra pista de patinação. Como num piscar de olhos, a fantasia virou diversão e lá foram eles brincar.

O que você encontra no Castelo Medieval:

  • Pista de patinação – com aluguel de patins in line (difícil para os menores) e acessórios de segurança.
  • Pistas de boliche – com 4 pistas automáticas, cada uma delas comportando até 6 jogadores.
  • Jogos eletrônicos.
  • Videogame com Just Dance.
  • Jogo de dardos.
  • Brinquedão – com escorregadores e piscina de bolinhas (no segundo andar).

Teresópolis com crianças: crianças patinando no Castelo Medieval

Da varanda, com um formato de ponte levadiça, você observa uma vista linda da paisagem. Dentro do castelo há também um bar com lanche e bebidas, caso dê aquela fominha.

→ Confira aqui os valores e horários dessas atividades extras.


Veja quanto custa este hotel aqui


9. Aprender na Fazenda Suíça

Passamos uma manhã toda na Fazenda Suíça aprendendo mais curiosidades sobre os animais em uma visita guiada. Lá as crianças puderam ver cavalos, pôneis, cabras, ovelhas, galinhas, coelhos, porcos, cervos e aves aquáticas.

Teresópolis com crianças: Alice agradando ovelhinha

Principalmente para algumas “crianças de apartamento” de cidades grandes, que não tem contato frequente com bichinhos, essa é uma atração muito bacana e educativa.

Os porquinhos recém-nascidos mamando foram o auge da nossa visita. Pergunte qual o horário que eles alimentam os coelhinhos para você interagir mais com essas criaturinhas fofas! O hotel oferece passeios a cavalo no Centro Hípico, porém, essa atividade tem custo à parte.

Teresópolis com crianças: porquinhos mamando na mãe

→ Para chegar na Fazenda Suíça se informe na recepção sobre os horários das vans de transfer que fazem o trajeto da ala Village até a Fazenda Suíça (2 km) sem custo.


10 . Visitar a Queijaria

Como estávamos num número grande de pessoas da presstrip conhecendo a queijaria, eles fizeram uma mesa grande de queijos e aperitivos para nos recepcionar lá na Fazenda Suíça. O mestre queijeiro Johnny de Oliveira Silveira, nos explicou como eles fazem os queijos lá mesmo. Tivemos o prazer de degustar a produção do Le Canton na queijaria.

Teresópolis com crianças: Alex e Alice na Fazenda Suiça

Mas você também pode experimentar essa delícias, além de pratos leves, sanduíches, entradinhas, e drinks especiais. Se gostar, ainda pode comprar queijos para levar para casa. A queijaria é um ambiente muito gostoso. Logo em frente, tem um playground de toras de madeira ideal para as crianças se entreterem enquanto você curte para um happy hour com um vista linda do lago e das montanhas.

Teresópolis com crianças: mesa de queijos na queijaria


 Como chegar em Teresópolis?

Para chegar em Teresópolis primeiro pegamos um voo direto de Curitiba para o Rio de Janeiro pela Gol, que durou aproximadamente 1 hora e 30 minutos. Chegando no aeroporto Santos Dumond, pegamos um carro previamente alugado pela Rentcars para ir do Rio á Teresópolis. Fomos tranquilos, guiados pelo Waze, e essa viagem demorou mais 2 horas até a porta do hotel.


Como se locomover em Teresópolis?

Alugamos um carro pela Rentcars para ir do Rio de Janeiro até Teresópolis. Mas, como acabamos não passeamos muito por Teresópolis, o carro acabou ficando todo final de semana no estacionamento do hotel. Para visitar a Fazenda Suíça utilizamos o transfer gratuito oferecido pelo Le Canton entre as alas do seu hotel.


 Quando ir para Teresópolis?

Dizem que a melhor época para curtir Teresópolis é no inverno, mas também é a mais concorrida. Estivemos lá em junho e encontramos dias de sol, deu até para os curitibanos aqui pegarem uma piscininha. Mas as noites estavam bem frias, até para a gente acostumado com o frio! O inverno é a estação de poucas chuvas, o que favorece muito as brincadeiras ao ar livre.
No verão, não espere aquele calorão forte em relação às outras cidades do Rio de Janeiro, mas um clima gostoso vai permitir você aproveitar mais o parque aquático do Le Canton e as cachoeiras da região serrana. Mas lembre-se: de novembro à fevereiro, por causa das temperaturas mais elevadas, as trombas d’água são comuns na região.

  Onde se hospedar?

Le Canton é dividido em três alas de hospedagem: Village, Magique, e Fazenda Suíça, sendo esta última aberta somente para eventos corporativos, de lazer e casamentos.

A ala Village é a principal e mais central do hotel, com mais acomodações. Fica próximo às piscinas, restaurantes, academia, spa e recepção. É lá que fica o Castelo Medieval. Para frequentar o centro de lazer Canton Ville, Parc Magique e Pista Mont Blanc o hóspede da ala Village deve caminhar ou pegar a van.

Já a ala Magique agrada especialmente às crianças e adolescentes, pela decoração medieval e pela localização estratégica, dentro do Canton Ville, o centro de lazer do hotel. Para frequentar os restaurantes e piscinas o hóspede da ala Magique deve caminhar até o Village ou pegar a van disponibilizada pelo hotel.

O sistema de hospedagem é pensão completa, com café da manhã, almoço e jantar inclusos na diária, que são feitas no restaurante Lugano. As bebidas são pagas à parte.


Veja quanto custa este hotel aqui


Teresópolis com crianças: Ana, Alex e Alice na piscina de raia


Agradecemos ao Le Canton pelo convite. Salientamos que o Ases a Bordo, respeita seus leitores e fãs. Por isso, nossos editoriais expressam a nossa opinião real. Só recomendamos produtos que testamos e serviços que experimentamos. Assim, conhecendo a qualidade, podemos recomendar para todos! [#ap]


planeje

Reserve aqui o seu hotel e garanta melhores preços com antecedência.

Escolha aqui seu carro e pague em reais dividido em até 12x.

Compre seu chip de celular para não depender de redes de wi-fi.


Saiba mais sobre Ases a Bordo – Viagem com Crianças se inscrevendo no nosso canal do YouTube para não perder episódios novos e seguindo nossas mídias sociais!

website    youtube-symbol    facebook-logo    instagram-social-network-logo-of-photo-camera    twitter-social-logotype

About Ases a Bordo

A paixão por viajar e as iniciais do nome são duas coisas que o casal de publicitários Ana e André têm em comum com os filhos Alex, 7 anos, e Alice, 3. Através de imagens, você "viaja" com essa família linda que compartilha suas aventuras de uma maneira divertida e inesperada. Ases a Bordo é um vlog com episódios em vídeos de 5 minutos, que vão ao ar semanalmente no Youtube. A websérie tem o objetivo de incentivar pais a curtirem mais as viagens com seus filhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.